Quais algumas das funções de um cuidador de idoso?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Quando alguém resolve contratar uma pessoa para ajudar no lar, a primeira coisa que ele faz é avaliar o perfil do candidato para ver se atende as necessidades das pessoas que ali residem. Dessa forma, quando a necessidade dólar envolve uma pessoa mais velha, é natural que procurem saber mais sobre as funções de um cuidador de idosos.

Esse profissional é essencial para aquela família que não pode cuidar do seu idoso. Mas há muita coisa envolvida nesse tipo de trabalho. Se você quer contratar um cuidador de idoso, ou se você pretende se tornar um, é importante saber quais são as funções desse profissional.   

 O que um cuidador de idoso faz?

O cuidador de idosos desempenha muitas funções. Seu serviço é voltado exclusivamente para o idoso. Esse profissional é capacitado e qualificado para trabalhar em diversas situações.

O cuidador pode trabalhar de modo particular, sendo contratado diretamente por um membro da família, mas também pode trabalhar em uma empresa de Help Care RJ. O mesmo também pode atuar em outros locais em que há a necessidade de sua experiência, como em casas de repouso.

Conheça agora algumas das muitas funções que um cuidador de idosos desempenha.  

Cuidar da saúde

Esse profissional tem como sua principal função cuidar da saúde do idoso. Eles podem ser contratados por parentes que não possuem habilidades para cuidar da saúde de um membro mais velho. Sua contratação também pode acontecer para cuidar de um idoso que more sozinho e que talvez esteja com a saúde debilitada.

Independente da situação, a função do cuidador é acompanhar o idoso nas consultas médicas, ajudar na administração de remédios e auxiliar no agendamento e realização de exames.

O profissional ainda pode criar um cardápio alimentar e até mesmo preparar tal alimento. Ele também deve estar presente na hora das refeições. Além disso, a higiene pessoal do idoso é de total responsabilidade do cuidador.     

Serviços administrativos

Esse trabalhador também pode ajudar nos serviços administrativos do lar, como por exemplo, receber correspondências, efetuar o pagamento de contas, fazer compras no mercado, comprar remédios, ou acompanhar o idoso em algum compromisso que tenha.  

Incentivar a socialização

Além de cuidar da saúde física, o cuidador também é importante na saúde mental do idoso. Muitos idosos têm o hábito de passear, até mesmo para pegar um pouco de sol, conversar com os vizinhos.

O profissional também tem essa função, de acompanhar o idoso nos passeios. Essa tarefa é muito importante para incentivar a socialização, especialmente quando o idoso já não pode andar mais sozinho.    

Ajuda na organização

O cuidador precisa deixar tudo organizado para facilitar a vida do idoso. Isso vale para o agendamento de horários para administração de remédios, como também na organização do lar, visando a segurança do ancião.

O profissional precisa organizar a vida do idoso quanto ao horário de dormir e acordar, hora de lanches, hora do banho, hora de lazer. Além disso, ele verifica se as roupas estão limpas e organizadas. O mesmo vale para utensílios de cozinha.

Mas todas as funções que o cuidador vai desempenhar precisam ser acordadas antes da contratação. É preciso deixar claro exatamente qual a função que ele está sendo contratado, pois em alguns casos, é dispensado alguns tipos de serviço.